Terça-feira, 11 de Novembro de 2008

VALE PELO QUE VALE MAS, VALE SEMPRE A PENA!!!

De Pedro a 11 de Novembro de 2008 ás 22.30

Caros Amigos

Cumpre-nos,para esclarecimento/conhecimento a todos aqueles que,  de uma maneira ou de outra se vão empenhando, (todos nós),  de modo a que possa-mos prosseguir  naquilo que idealiza-mos e do qual só iremos parar quando atingir-mos a meta a que nos propuse-mos;

Informar que:

Após o acto, referido no post abaixo publicado pelo Amigo Zimbro, deslocá-mo-nos à Câmara Municipal, onde reuni-mos com o Representante daquela Edilidade, após dialogo que classifica-mos de bastante frutuoso , fizemos-lhe entrega da exposição que abaixo transcreve-mos. 

 

Associação Cultural e Recreativa

Rua da Ponta de Eira nº 6

6120-037  Zimbreira

                                                                 Exmº Senhor

                                                                Presidente da Câmara Municipal de     

M A Ç Ã O

 

Um Grupo de naturais, residentes de uma pequena aldeia , rodeada de serras e vales, a qual faz parte do Concelho  que V.Exª  é Presidente endereça-vos esta carta.

         -Falamos de uma aldeia onde, como em muitas outras, os seus tempos áureos passaram, os que em tempo foram juventude se viram obrigados a partir, os gritos das crianças deixaram de se ouvir, logo as brincadeiras com a bola não se vêem e até as “saudades” de quando a mesma  era chutada com mais força  ia parar ao telhado, quintal ou janela do vizinho, deixou de acontecer.

Deixou igualmente de se ouvir a voz forte, portentosa, do homem “rude” a quem a vida não tinha dado a possibilidade de adquirir o conhecimento para a tolerância, a compreensão, acabando a mesma nas suas mãos cortada com a sua navalha.

Era assim, não porque o homem era mau mas sim porque a ele nunca tinha sido dada a possibilidade, o ensinamento, o conhecimento dos valores que lhe permitiriam tolerar colocando essa virtude acima do seu bem material danificado.

Temos saudades desse tempo, dessas gentes, dessa simplicidade, onde não existia cinismo, onde as palavras, não eram meticulosamente medidas, dizia-se o que se tinha…. sem malabarismos.

Senhor Presidente:

Nós honramos, nós compreendemos, acarinhamos, esses seres “rudes” de que vos falei.

Nós cultivamos, nesse Mundo egoísta em que vivemos e nos pretende dominar , A AMIZADE.

E é, por entre nós existir essa Amizade, que, todos os anos nos juntamos com nossas famílias, dois encontros anuais, (toda a aldeia) onde confraterniza-mos, recordamos o passado, falamos do presente.

Nesses encontros, esses laços que, embora existentes, com o tempo como em tudo o que não é cultivado tende  a enfraquecer, a partir desse começo penso que não mais fortes mas rejuvanescidos e;

com o pensamento positivo, a perseverança, a humildade, a luta, a honestidade, a honradez, o brio, a alegria, a fé, o dinamismo, a determinação, a lealdade, a força e a energia são as armas que nos fazem acreditar que possa-mos atingir os nossos objectivos, realizar os nossos sonhos, vencer quando buscamos o que merecemos ganhando força para a “missão” a que entretanto nos propusemos, a qual é motivo para o que seguidamente vos expo-mos..

Senhor Presidente:

Nesta aldeia, senti- a-mos a falta de um espaço (físico) local onde nos pudesse-mos juntar ao fim de cada dia de trabalho, num fim-de-semana de ida á aldeia, um local de encontro, UMA COLECTIVIDADE.

Por esse facto:

  - Adquirimos no passado mês de Outubro um “casinha” nesta localidade, estamos “envolvidos” neste projecto, juntá-mos novos e “velhos” toda a aldeia está a participar, alguns empenhados como nunca antes os tinha-mos visto,  é essencialmente e também um ENCONTRO DE GERAÇÕES, mas;

O adquirido (imóvel), do qual junta-mos cópias está num estado um pouco degradado , para que o mesmo reúna as condições mínimas para o que acima lhe descreve-mos necessitava-mos  que essa Câmara Municipal nos “desse uma mão”, nos ajudasse, obviamente com o nosso empenho,  de modo a criar ali as referidas condições de habitabilidade.

E aqui pensamos, que os eleitos do nosso povo, nossos dignos representantes, V.Exª Sr. Presidente, nos poderá ajudar, não é somente importante fazer uma estrada nova, um saneamento básico, …. para esta ou aquela aldeia, mas sim e como sabeis, também conjugar esforços, promover, comparticipar, nos actos que valorize a vida em sociedade, as relações humanas.

Queremos deste modo solicitar-lhe que, da maneira que achar mais justa, possível, daquilo que possa estar ao seu alcance que, através dessa CAMARA comparticipe nesta iniciativa.

Pelo que expressamos, pelos valores que defende-mos, pensamos ser justo, este nosso pedido, UMA AJUDA ÁS GENTES HUMILDES DA ZIMBREIRA.

                       Zimbreira, 11 de Novembro de 2009

Pela Associação Cultural e Recreativa desta localidade abaixo assina-mos   

________________________________________________________

________________________________________________________

________________________________________________________

________________________________________________________

________________________________________________________

 

Em tempo:- Hoje, deslocá-mo-nos a esta vila de Mação onde efectuá-mos a escritura da referida  Associação.

 Junta-mos cópias: 

                              Prédio rústico envolvido (3) 

                                        Orçamento do material necessário à reparação do telhado do imóvel

 
                             Cartão provisório de identificação de pessoa colectiva e entidade equiparada com o nº P 508766451  (1)

 

publicado por Zimbro às 22:04
link do post | comentar | favorito
|
contador free


links

posts recentes

Boas Festas e Próspero an...

Magusto - Caminhada

CONVIVIO - ABRIL -ZIMBREI...

Magusto

PEGO DA RAINHA

Convivio 2013

CONVIVIO DE VERÃO

Convivio 25 de Abril - 20...

Um património em desapare...

BOAS FESTAS

arquivos

Dezembro 2014

Outubro 2014

Abril 2014

Novembro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Abril 2013

Março 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Maio 2012

Abril 2012

Dezembro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Dezembro 2010

Agosto 2010

Junho 2010

Abril 2010

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Maio 2008

Abril 2008

Janeiro 2008

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

mais sobre mim